China intensifica plantações de cacau e poderá se configurar como um novo polo de produção global - Mercado do Cacau
Aguarde! Carregando...
X

Mercado do Cacau

China intensifica plantações de cacau e poderá se configurar como um novo polo de produção global

China intensifica plantações de cacau e poderá se configurar como um novo polo de produção global
  • 11
  • ★★★★

O interesse dos chineses, parece ir além do chocolate. Agricultores da província de Hainan no sul do país, empregando tecnologia avançada de cultivo, se apresentam como os mais novos atores da produção global de cacau.

Primeiras exportações - Bélgica

Notícias das primeiras exportações para o exigente mercado Belga, trouxeram grandes receios para os controladores africanos. Atualmente produzindo o melhor padrão de qualidade em grandes volumes, os ganenses sempre foram os maiores exportadores para os mercados exigentes na Europa. Os chineses além de sinalizares produzir em escala, demostram que querem entregar excelência em qualidade para os chocolateiros globais

Ásia: Demanda crescente e produção em queda

A grande oportunidade para os chineses, esta relacionada principalmente, com o aumento considerável de consumo de derivados e a queda da produção de cacau no continente asiático. Do lado positivo, a Índia se apresenta como o mercado que mais cresce em consumo de chocolate no mundo, chegando alavancar coeficientes de elevação acima 12% aa. Por outro lado, Indonésia e Malásia, que juntos chegaram a entregar volumes acima de 500 mil toneladas no passado recente, na safra atual, deverão sequer alcançar a fração de 250 mil tons.  

Uma ameaça para os africanos e aumento da oferta global de cacau

A entrada silenciosa dos chineses no ciclo da produção mundial, se configura como uma ameaça para os países produtores africanos, como também, incidirá no aumento da oferta global de cacau. Dentre os asiáticos, os chineses sempre mostraram ser agressivos e multiplicadores de tecnologia em tudo que produzem. As áreas ao sul da china, apresentam clima tropical, implicando em fácil adaptação para o cultivo ideal do cacau. Assim sendo, o mercado poderá contar em breve com um novo e robusto polo de fornecimento de amêndoas, caso tomarem gosto com a cultura.

Fonte: mercadodocacau

Deixe seu comentário para China intensifica plantações de cacau e poderá se configurar como um novo polo de produção global

Já temos 11 Comentário(s)! Deixe o Seu :)

Resposta de Rami mendes

Boa informação. Valiosa

★★★★★ Em 06-05-2021 às 11-50h Responder 5

Resposta de Gilberto Fonseca de Carvalho

As indústrias de processamento de cacau sabem os períodos de safra aí vão e compram milhares de toneladas de cacau da África prejudicando diretamente os produtores do Brasil, sabemos que o cacau produzido na África utiliza mão de obra escrava e infantil mesmo assim fazem essa canalhice com ocosacaicultors do Brasil, temos que nos mobilizarmos contra esse absurdo.

★★★★★ Em 04-05-2021 às 20-08h Responder 5

Resposta de Bacana

Vamos Brasil, vamos levar uma muda de vassoura de bruxa pra eles

★★★★★ Em 04-05-2021 às 19-54h Responder 5

Resposta de Cicero Tavares Germano

Essa noticia pode ser levada em consideração. A região na qual está sendo plantado o cacau tem latitudes semelhantes ao sul da Bahia e Norte do Espirito Santo, região de relevo ondulado, próxima ao oceano mão de obra barata, tecnologia e capacidade de investimento.

★★★★★ Em 04-05-2021 às 09-50h Responder 5

Resposta de HEIDER MOREIRA DA CRUZ

Os chineses devem se preocupar mesmo é com a questão da soja e do milho. Só se eles vão alimentar os animais com chocolate. O governo Chinês usa de todos artifícios para tentar influenciar preços. Não conseguem plantar soja vão plantar cacau pro mundo?!!!

★★★★★ Em 03-05-2021 às 23-37h Responder 5

Resposta de Marcos joao da silva

Vejo o assunto como especulação econômica, mas , falando em intensificação de produção de Cacau inatura, temos vários polos produtoras de Cacau que devem ser estimulados e que devem pagar um preço justo para cada kilo que produzimos no Brasil... No amazonas produzimos Cacau mas os preços desestimulam os produtores... Enfim de qualquer forma o governo do Brasil devem estimular a produção agrícola em geral...

★★★★★ Em 03-05-2021 às 23-27h Responder 5

Resposta de HENRIQUE VELOSO SEIXAS LOPES

O mercado Brasileiro era promissor, mas o Rui Costa não investe na região nem da incentivo as novas formas de produção com novos clones, a pleno sol e irrigado. É mais fácil ele enviar os nossos clones produtivos aos Chineses do que incentivar nossa região a crescer. Isso lembra as criptomoedas como o bitcoin, com tanto potencial para crescer e ninguém investe, só vira falácia.

★★★★★ Em 03-05-2021 às 20-50h Responder 5

Resposta de Tadeu Amaral de Carvalho

Muinto preocupante para a cacaiciltura da Bahia e do Brasil haja visto pois tínhamos o mercado deste país como promissor

★★★★★ Em 03-05-2021 às 20-01h Responder 5

Resposta de Ataide trzeciak

Não acredito muito q isso vai afetar nós aqui,lá tem tecnologia mais não tem o potencial de clima solo e tal igual o nosso aqui não,eles não produz nem o principal alimentação do pais q é arroz e outro cereal

★★★★★ Em 03-05-2021 às 19-54h Responder 5

Resposta de Wellington Menelli

Os chineses não conseguem produzir nem a sua comida básica (arroz, soja e milho), nao tem perigo nenhum. Isso é mais uma forma de querer reduzir os preços.

★★★★★ Em 03-05-2021 às 18-46h Responder 5

Resposta de Nestor Linhares

As processadoras e o especuladores sempre com notícias de oferta maior que a procura para tirar o ágio no preço do produto, quando se começa uma nova safra, cuidado vocês estão matando a galinha dos ovos de ouro que vocês sempre aproveitaram sem pagamento de preços justos.

Em 03-05-2021 às 12-49h Responder 5
Avalie Este Conteúdo: 1 2 3 4 5
[Aguarde, Buscando Dados!]
Notícias Relacionadas

Publicidade

Vídeos

Vídeos